ontem, tive uma surpresa depois de um dia não muito interessante.
o livro do liniers, macanudo, que recebi da zarabatana, veio assinado pelo autor. quando liniers veio à são paulo, mês passado, ele escreveu “para paulo floro, com afecto, Liniers”. do lado, desenhou o gato fellini.

o melhor de tudo foi o “com afecto”.