Enfim, a New Yorker voltou suas capas mordazes para a candidata à vice republicana, Sarah Palin.